Posts Tagged ‘Versátil’

Versátil – Em breve-Fev/19

21 de fevereiro de 2019

www.dvdversatil.com.br (Site)

www.versatilhv.com.br (Loja)

A Versátil apresenta “O Cinema de Robert Aldrich”, caixa em luva reforçada com 3 DVDs que reúne 6 clássicos inéditos do mestre Robert Aldrich (1918-1993), o diretor de “Os Doze Condenados” e “O Que Terá Acontecido a Baby Jane?”, todos em versões restauradas, e quase uma hora de extras, incluindo especiais sobre os filmes. Edição Limitada com 6 cards, com tiragem reduzida para colecionadores.

 

Disco 1

A GRANDE CHANTAGEM (The Big Knife, 1955, 114 min.)
Com Jack Palance, Ida Lupino, Wendell Corey.
O ator Charles Castle não aceita renovar seu contrato, mas o chefe do estúdio não aceitará um “não” como resposta… Uma obra-prima sem concessões sobre o universo do cinema. Prêmio de Melhor Direção no Festival de Veneza.

MORTE SEM GLÓRIA (Attack!, 1956, 107 min.)
Com Jack Palance, Lee Marvin, Eddie Albert.
Na Segunda Guerra, em meio a combates sangrentos com os alemães, o capitão e o tenente de um batalhão de infantaria entram em conflito. Um dos melhores filmes de guerra de todos os tempos. Prêmio Especial no Festival de Veneza.

 

Disco 2

RESGATE DE UMA VIDA (The Grissom Gang, 1971, 128 min.)
Com Kim Darby, Scott Wilson, Tony Musante.
Durante a Depressão, filha de milionário é sequestrada após uma atrapalhada tentativa de assalto. Brilhante remake do clássico filme noir britânico “No Orchids for Miss Blandish” (1948), do romance de James Hadley Chase.

A DEZ SEGUNDOS DO INFERNO (Ten Seconds to Hell, 1959, 94 min.)
Com Jack Palance, Jeff Chandler, Martine Carol.
Berlim, 1945. Após o fim da Segunda Guerra, seis ex-soldados alemães são contratados para formar um esquadrão para desarmar bombas dos aliados na cidade. Tenso e muito bem dirigido, este é mais um ótimo filme de guerra de Aldrich.

 

Disco 3

TRIÂNGULO FEMININO (The Killing of Sister George, 1968, 140 min.)
Com Beryl Reid, Susannah York, Coral Browne.
Uma atriz de meia idade está prestes a perder seu emprego na TV e ainda desconfia que sua jovem namorada está saindo com outra mulher. Fascinante drama de Aldrich e um dos primeiros filmes sobre lesbianidade do cinema norte-americano.

PÂNICO EM SINGAPURA (World for Ransom, 1954, 82 min.)
Com Dan Duryea, Gene Lockhart, Patric Knowles.
Em Singapura, um detective particular e as autoridades britânicas estão atrás de uma organização criminosa que sequestrou um físico nuclear. Inventivo filme noir B que antecipa temas e soluções visuais de “A Morte Num Beijo”.

 

A Versátil apresenta BLAXPLOITATION VOL.3, caixa em luva reforçada com 2 DVDs que reúne 4 clássicos do vibrante cinema negro americano dos anos 70 em inéditas versões restauradas, além de mais de uma hora de vídeos extras, incluindo muitos especiais sobre os filmes da coleção. Edição Limitada com 4 cards, com tiragem reduzida para colecionadores.

 

Disco 1

SUPER FLY (Idem, 1972, 92 min.)
De Gordon Parks Jr.. Com Ron O’Neal, Carl Lee, Sheila Frazier.
O traficante Priest começa a perceber que logo acabará preso ou morto. Para mudar de vida, decide fazer uma última venda e fugir. Com uma trilha sonora icônica de Curtis Mayfield, este é um dos grandes clássicos da blaxploitation.

SWEET SWEETBACK´S BAADASSSSS SONG (Idem, 1971, 98 min.)
De Melvin Van Peebles. Com Melvin Van Peebles, Simon Chuckster.
Sweetback, um malandro que ganha a vida como ator pornô, precisa fugir após atacar dois policiais racistas que agrediam um jovem negro. Marco inicial da blaxploitation, esse tour de force de Melvin Van Peebles não perdeu a força.

 

Disco 2

FRIDAY FOSTER (Idem, 1975, 90 min.)
De Arthur Marks. Com Pam Grier, Yaphet Kotto, Godfrey Cambridge.
A ex-modelo e agora fotógrafa Friday Foster tenta ajudar Blake Tarr, o homem negro mais rico dos EUA, que se vê vítima de uma conspiração. Baseado numa história em quadrinhos, este foi o último filme da estrela Pam Grier para a AIP.

COOLEY HIGH (Idem, 1975, 107 min.)
De Michael Schultz. Com Glynn Turman, Lawrence-Hilton Jacobs, Garrett Morris.
Chicago, 1964. Em um colégio de Ensino Médio, acompanhamos um grupo de estudantes, seus amores, esperanças e dificuldades. Com uma trilha repleta de hits da Motown, este cult é um dos filmes favoritos de Spike Lee.

 

A Versátil apresenta ZATOICHI – A SÉRIE DE CINEMA, caixa em luva reforçada com 2 DVDs que reúne os 4 primeiros filmes da lendária série do espadachim cego em inéditas versões restauradas, além de uma hora e meia de extras. Conheça um dos personagens mais populares do Japão que teve um remake dirigido por Takeshi Kitano e inspirou “Fúria Cega”, com Rutger Hauer. Edição Limitada com 4 cards, com tiragem reduzida para colecionadores.

 

Disco 1

O CONTO DE ZATOICHI (Zatoichi Monogatari, 1962, 96 min.)
De Kenji Misumi. Com Shintaro Katsu, Masayo Banri, Ryuzo Shimada.
Aqui têm início as aventuras de um andarilho cego, que vive como massagista e jogador, mas que também é um mestre espadachim. Excelente chambara dirigido por Kenji Misumi (“Lobo Solitário”, “Os Últimos Samurais”), um dos maiores mestres do gênero.

O CONTO DE ZATOICHI CONTINUA (Zoku Zatoichi Monogotari, 1962, 72 min.)
De Kazuo Mori. Com Shintaro Katsu, Yaeko Mizutani, Masayo Banri.
Zatoichi descobre o segredo de uma poderosa autoridade e logo passa a ser perseguido por um grupo de assassinos. Realizado no mesmo ano da primeira parte, essa continuação é dirigida pelo especialista Kazuo Mori (“A Vingança de um Samurai”).

 

Disco 2

NOVO CONTO DE ZATOICHI (Shin Zatoichi Monogatari, 1963, 92 min.)
De Tokuzo Tanaka. Com Shintaro Katsu, Mikiko Tsubouchi, Seizaburo Kawazu.
Em busca de paz, Zatoichi viaja para seu antigo vilarejo, mas só encontra confusão ao se ver no meio de um triângulo amoroso. Primeiro filme colorido da série, com direção de Tokuzo Tanaka, do excelente filme de samurai “A Traição”.

ZATOICHI, O FUGITIVO (Zatoichi kyojo-tabi, 1963, 86 min.)
De Tokuzo Tanaka. Com Shintaro Katsu, Miwa Takada, Masayo Banri.
Um clã Yakuza persegue Zatoichi após ele derrotar membros da máfia num duelo. Em meio a tudo isso, um antigo amor volta a aparecer em sua vida. Segundo filme colorido da série, com uma das conclusões mais eletrizantes da saga.

 

A Versátil apresenta A ARTE DE FRANCESCO ROSI, caixa com luva reforçada com 2 DVDs que reúne 4 filmes em inéditas versões restauradas do mestre Francesco Rosi (1922-2015), um dos maiores nomes do cinema político italiano. Nos extras, um excelente documentário sobre a vida e a obra do cineasta. Edição Limitada com 4 cards.

 

Disco 1

AS MÃOS SOBRE A CIDADE (Le Mani sulla Città, 1963, 101 min.)
Com Rod Steiger, Salvo Randone, Guido Alberti.
Antes de uma eleição municipal em Nápoles, o desabamento de um prédio residencial põe contra a parede um poderoso vereador do ramo imobiliário. Um dos grandes clássicos do cinema político italiano. Leão de Ouro no Festival de Veneza.

A PROVAÇÃO (La Sfida, 1958, 87 min.)
Com Rosanna Schiaffino, José Suárez, Nino Vingelli.
Nas favelas de Nápoles, o jovem e ambicioso contrabandista Vito Polara decide desafiar a máfia local, para aumentar os seus lucros. Raro e ótimo longa-metragem de estreia de Rosi. Prêmio Especial do Júri no Festival de Veneza.

 

Disco 2

O BANDIDO GIULIANO (Salvatore Giuliano, 1962, 123 min.)
Com Frank Wolff, Salvo Randone, Frederico Zardi.
As complexas relações entre política, separatismo e máfia que culminaram com a morte do controverso bandido Salvatore Giuliano na Sicília dos anos 40. Obra máxima de Rosi, que ganhou o Prêmio de Direção no Festival de Berlim.

OS BRAVOS DA ARENA (Il Momento della Veritá, 1965, 107 min.)
Com Miguel Mateo “Miguelín”, José Gómez Sevillano.
A ascensão e a queda de um famoso toureiro, Miguelín, na arena e na vida pessoal. Brilhante análise marxista da sociedade espanhola sob a ditadura de Franco, esse forte drama é uma das pérolas da filmografia de Rosi

 

Versátil – Lançamentos-Fev/19

15 de fevereiro de 2019

www.dvdversatil.com.br (Site)

www.versatilhv.com.br (Loja)

A Versátil apresenta A Arte de Maurice Pialat, caixa com 2 DVDs que reúne 4 filmes inéditos em versões restauradas de um dos grandes cineastas franceses pós-Nouvelle Vague: Maurice Pialat (1925-2003), o diretor dos premiados “Sob o Sol de Satã” e “Van Gogh”. Quase uma hora de vídeos extras, incluindo entrevistas com Pialat e Sandrine Bonnaire. Edição Limitada com 4 cards.

 

Disco 1

POLÍCIA (Police, 1985, 114 min.)
Com Gérard Depardieu, Sophie Marceau, Richard Anconina.
O inspetor Maugin vive atrás de pequenos traficantes. Durante uma batida policial, conhece Noria, namorada de um traficante, por quem se apaixona. Pialat subverte de maneira brilhante as convenções do polar francês.

A FERIDA ABERTA (La Gueule Ouverte, 1974, 82 min.)
Com Nathalie Baye, Hubert Deschamps, Philippe Léotard.
Uma mãe descobre que tem uma doença terminal. Então decide ir para o interior com seu filho e sua nora, para passar os últimos momentos na casa da família. Um melodrama familiar de rara força dramática.

 

Disco 2

AOS NOSSOS AMORES (À Nos Amours, 1983, 99 min.)
Com Sandrine Bonnaire, Maurice Pialat, Christophe Odent.
Suzanne, 15 anos, têm relações sexuais com muitos rapazes, mas não consegue amar nenhum deles. Sua família não consegue entendê-la. Obra-prima de Pialat e um dos melhores filmes já realizados sobre a adolescência.

NÓS NÃO ENVELHECEREMOS JUNTOS (Nous ne Vieillirons pas Ensemble, 1972, 106 min.)
Com Marlène Jobert, Jean Yanne, Christine Fabréga.
Um homem casado mantém uma intensa relação extraconjugal, porém, não decide nunca pelo divórcio. Eterno insatisfeito, ele torna impossível a vida com sua amante. Prêmio de Melhor Ator no Festival de Cannes.

 

A Versátil apresenta “O Cinema de Marcel Carné”, caixa com 3 DVDs que reúne 6 clássicos do mestre do realismo poético francês Marcel Carné (1906-1996), todos em inéditas versões restauradas, e quase uma hora e meia de extras, incluindo documentários sobre os filmes do diretor de “O Boulevard do Crime”. Edição Limitada com 6 cards.

 

Disco 1

TRÁGICO AMANHECER (Le Jour se Lève, 1939, 93 min.)
Com Jean Gabin, Jacqueline Laurent, Arletty.
Após cometer um assassinato, um operário se tranca em seu apartamento e recorda os eventos que o levaram ao crime. Com brilhante uso do flashback, esse drama sombrio é uma das grandes obras-primas do cinema francês dos anos 30.

HOTEL DO NORTE (Hôtel du Nord, 1938, 95 min.)
Com Annabella, Jean-Pierre Aumont, Louis Jouvet, Arletty.
Pierre e Renée, um jovem casal desesperado, aluga um quarto no Hôtel du Nord com a ideia de se suicidar. Porém, as coisas não saem como planejado. Pungente tragicomédia sobre a classe trabalhadora na Paris de antes da Guerra.

 

Disco 2

CAIS DAS SOMBRAS (Le Quai des Brumes, 1938, 92 min.)
Com Jean Gabin, Michel Simon, Michèle Morgan.
França, às vésperas da Segunda Guerra. Um desertor do exército colonial se apaixona por moça numa cidade portuária, mas uma tragédia pode separá-los. Obra-prima da parceria entre Carné e o poeta-roteirista Jacques Prévert.

AS PORTAS DA NOITE (Les Portes de la Nuit, 1946, 112 min.)
Com Pierre Brasseur, Serge Reggiani, Yves Montand.
Durante uma noite na Paris após a libertação do jugo nazista, um operário se apaixona loucamente por uma desconhecida. Porém, a sombra do passado os persegue. Fábula fascinante que marcou o fim da parceria entre Carné e Prévert.

 

Disco 3

THÉRÈSE RAQUIN (Thérèse Raquin, 1953, 107 min.)
Com Simone Signoret, Raf Vallone, Jacques Duby.
Um caminhoneiro mata o marido da amante, e se torna vítima de chantagem. Baseando-se em obra de Émile Zola, Carné constrói um drama criminal intenso valorizado pela atuação de Simone Signoret. Leão de Prata no Festival de Veneza.

TRÊS QUARTOS EM MANHATTAN (Trois Chambres à Manhattan, 1965, 110 min.)
Com Annie Girardot, Maurice Ronet, O.E. Hasse.
Quando sua esposa o deixa, um ator francês muda-se para Nova York, onde conhece uma jovem atraente num bar. Subestimado drama da fase final de Carné que antecipa Encontros e Desencontros e traz uma ponta de Robert De Niro.

 

Versátil – Em breve-Jan/19

11 de janeiro de 2019

www.dvdversatil.com.br (Site)

www.versatilhv.com.br (Loja)

A Versátil apresenta CINEMA POLICIAL VOL. 3, caixa em luva reforçada com 2 DVDs que reúne 4 clássicos policiais inéditos dos anos 70 e 80 estrelados por astros como Michael Caine, Walter Matthau, Bob Hoskins e Robert Duvall, além de meia hora de vídeos extras. Edição Limitada com 4 cards.

 

Disco 1

MONA LISA (Idem, 1986, 104 min.)
De Neil Jordan. Com Bob Hoskins, Michael Caine, Cathy Tyson.
Um ex-presidiário consegue emprego de motorista de uma prostituta de luxo negra, por quem acaba se apaixonando. Pequena obra-prima neo-noir do consagrado Neil Jordan (“Traídos pelo Desejo”). Prêmio de Melhor Ator em Cannes.

A QUADRILHA (The Outfit, 1973, 103 min.)
De John Flynn. Com Robert Duvall, Karen Black, Robert Ryan.
Earl Macklin rouba um banco que pertence à Mafia e termina preso. Ao ser libertado, começa uma guerra contra os mafiosos. Eletrizante filme policial com ótimo elenco dirigido pelo talentoso John Flynn, de “A Outra Face da Violência”.

 

Disco 2

MATANÇA EM SAN FRANCISCO (The Laughing Policeman, 1973, 112 min.)
De Stuart Rosenberg. Com Walter Matthau, Bruce Dern, Louis Gossett Jr.
Em São Francisco, um policial é uma das muitas vítimas de uma chacina. Seu parceiro e um novato investigam o que está por trás da matança. Tenso policial urbano no estilo de Dirty Harry com direção de Stuart Rosenberg (“Rebeldia Indomável”).

OS PERIGOSOS (Hickey & Boggs, 1972, 111 min.)
De Robert Culp. Com Bill Cosby, Robert Culp, Ta-Ronce Allen.
Dois detetives particulares saem em busca de uma garota desaparecida, e acabam se envolvendo com criminosos violentos. Com roteiro do especialista Walter Hill (“48 Horas”), esse neo-noir serviu de inspiração para “Máquina Mortífera”.

 

Com venda exclusiva pela loja virtual da Versátil e entrega a partir de 07 de março, apresentamos a nova coleção: LOBISOMENS NO CINEMA, caixa com 2 DVDs que reúne 4 raros filmes de lobisomem, todos em versões restauradas, além do clássico “O Segredo do Monstro” (“The Undying Monster”, 1942, 63 min.), de John Brahm (“Concerto Macabro”), nos extras, e ainda quase uma hora de vídeos especiais. Edição Limitada com 4 cards.

 

Disco 1

LUA NEGRA (Bad Moon, 1996, 80 min.)
De Eric Red. Com Mariel Hemingway, Michael Paré, Mason Gamble.
Após ser atacado por um lobisomem, fotógrafo conta com a ajuda da família e de um fiel cachorro de estimação para tentar se livrar da maldição. Esta criativa produção independente é um dos melhores filmes de lobisomem dos anos 90.

A MALDIÇÃO DA LUA CHEIA (The Boy Who Cried Werewolf, 1973, 93 min.)
De Nathan Juran. Com Kerwin Mathews, Elaine Devry, Scott Sealey.
Um menino, cujos pais são divorciados, vai para as montanhas com o pai, que é atacado por um lobisomem. Irresistível e nostálgica “sessão da tarde” dirigida pelo veterano Nathan Juran (“Simbad e a Princesa”).

 

Disco 2

A NOITE DO LOBISOMEM (El Retorno del Hombre Lobo, 1981, 93 min.)
De Paul Naschy. Com Paul Naschy, Julia Sally, Silvia Aguilar.
O atormentado lobisomem Waldemar Daninsky precisa enfrentar a vampira Elizabeth Bathory, a infame “condessa sangrenta”. O melhor filme da lendária série do “hombre lobo” de Paul Naschy, o astro do terror espanhol.

O LOBISOMEM (The Werewolf, 1956, 80 min.)
De Fred F. Sears. Com Don Megowan, Joyce Holden, Eleanore Tanin.
Dois cientistas aplicam um injeção em vítima de acidente de carro, que o faz se transformar em lobisomem, quando se altera emocionalmente. Nesse filme de lobisomem da Era Nuclear, a licantropia está ligada à ciência.

EXTRAS: “O Segredo do Monstro” (“The Undying Monster”, 1942, 63 min.) Especiais e trailers (51 min.)

 

A Versátil apresenta A Arte de Maurice Pialat, caixa com 2 DVDs que reúne 4 filmes inéditos em versões restauradas de um dos grandes cineastas franceses pós-Nouvelle Vague: Maurice Pialat (1925-2003), o diretor dos premiados “Sob o Sol de Satã” e “Van Gogh”. Quase uma hora de vídeos extras, incluindo entrevistas com Pialat e Sandrine Bonnaire. Edição Limitada com 4 cards.

 

Disco 1

POLÍCIA (Police, 1985, 114 min.)
Com Gérard Depardieu, Sophie Marceau, Richard Anconina.
O inspetor Maugin vive atrás de pequenos traficantes. Durante uma batida policial, conhece Noria, namorada de um traficante, por quem se apaixona. Pialat subverte de maneira brilhante as convenções do polar francês.

A FERIDA ABERTA (La Gueule Ouverte, 1974, 82 min.)
Com Nathalie Baye, Hubert Deschamps, Philippe Léotard.
Uma mãe descobre que tem uma doença terminal. Então decide ir para o interior com seu filho e sua nora, para passar os últimos momentos na casa da família. Um melodrama familiar de rara força dramática.

 

Disco 2

AOS NOSSOS AMORES (À Nos Amours, 1983, 99 min.)
Com Sandrine Bonnaire, Maurice Pialat, Christophe Odent.
Suzanne, 15 anos, têm relações sexuais com muitos rapazes, mas não consegue amar nenhum deles. Sua família não consegue entendê-la. Obra-prima de Pialat e um dos melhores filmes já realizados sobre a adolescência.

NÓS NÃO ENVELHECEREMOS JUNTOS (Nous ne Vieillirons pas Ensemble, 1972, 106 min.)
Com Marlène Jobert, Jean Yanne, Christine Fabréga.
Um homem casado mantém uma intensa relação extraconjugal, porém, não decide nunca pelo divórcio. Eterno insatisfeito, ele torna impossível a vida com sua amante. Prêmio de Melhor Ator no Festival de Cannes.

 

A Versátil apresenta “O Cinema de Marcel Carné”, caixa com 3 DVDs que reúne 6 clássicos do mestre do realismo poético francês Marcel Carné (1906-1996), todos em inéditas versões restauradas, e quase uma hora e meia de extras, incluindo documentários sobre os filmes do diretor de “O Boulevard do Crime”. Edição Limitada com 6 cards.

 

Disco 1

TRÁGICO AMANHECER (Le Jour se Lève, 1939, 93 min.)
Com Jean Gabin, Jacqueline Laurent, Arletty.
Após cometer um assassinato, um operário se tranca em seu apartamento e recorda os eventos que o levaram ao crime. Com brilhante uso do flashback, esse drama sombrio é uma das grandes obras-primas do cinema francês dos anos 30.

HOTEL DO NORTE (Hôtel du Nord, 1938, 95 min.)
Com Annabella, Jean-Pierre Aumont, Louis Jouvet, Arletty.
Pierre e Renée, um jovem casal desesperado, aluga um quarto no Hôtel du Nord com a ideia de se suicidar. Porém, as coisas não saem como planejado. Pungente tragicomédia sobre a classe trabalhadora na Paris de antes da Guerra.

 

Disco 2

CAIS DAS SOMBRAS (Le Quai des Brumes, 1938, 92 min.)
Com Jean Gabin, Michel Simon, Michèle Morgan.
França, às vésperas da Segunda Guerra. Um desertor do exército colonial se apaixona por moça numa cidade portuária, mas uma tragédia pode separá-los. Obra-prima da parceria entre Carné e o poeta-roteirista Jacques Prévert.

AS PORTAS DA NOITE (Les Portes de la Nuit, 1946, 112 min.)
Com Pierre Brasseur, Serge Reggiani, Yves Montand.
Durante uma noite na Paris após a libertação do jugo nazista, um operário se apaixona loucamente por uma desconhecida. Porém, a sombra do passado os persegue. Fábula fascinante que marcou o fim da parceria entre Carné e Prévert.

 

Disco 3

THÉRÈSE RAQUIN (Thérèse Raquin, 1953, 107 min.)
Com Simone Signoret, Raf Vallone, Jacques Duby.
Um caminhoneiro mata o marido da amante, e se torna vítima de chantagem. Baseando-se em obra de Émile Zola, Carné constrói um drama criminal intenso valorizado pela atuação de Simone Signoret. Leão de Prata no Festival de Veneza.

TRÊS QUARTOS EM MANHATTAN (Trois Chambres à Manhattan, 1965, 110 min.)
Com Annie Girardot, Maurice Ronet, O.E. Hasse.
Quando sua esposa o deixa, um ator francês muda-se para Nova York, onde conhece uma jovem atraente num bar. Subestimado drama da fase final de Carné que antecipa Encontros e Desencontros e traz uma ponta de Robert De Niro.

 

Versátil – Top 10 – 2018

20 de dezembro de 2018

A Versátil continua nos surpreendendo com tesouros escondidos do cinema, garimpados pelo curador Fernando Brito. Abaixo, a relação dos melhores, na minha opinião de colecionador e fã de cinema.

 

10) CINEMA POLICIAL II

 

9) CLÁSSICOS SCI-FI VOL. 5

 

8) O CINEMA DE JEAN-LUC GODARD

 

7) VAMPIROS NO CINEMA 3

 

6) CINEMA FAROESTE VOL. 6

 

5) A ARTE DE ROBERT BRESSON

 

4) MAIO DE 68 NO CINEMA

 

3) A GUERRA DO VIETNÃ NO CINEMA

 

2) O CINEMA DE LUIS BUÑUEL

 

1) O CINEMA DE DAVID LEAN

 

Versátil – Lançamentos-Dez/18

3 de dezembro de 2018

www.dvdversatil.com.br (Site)

www.versatilhv.com.br (Loja)

A Versátil apresenta SLASHERS vol. 4, digistack com 2 DVDs que reúne 4 clássicos do subgênero mais popular do terror dos anos 80 em inéditas versões restauradas sem cortes e com uma hora de extras, incluindo especiais e entrevistas sobre os filmes. Edição Limitada com 4 cards.

 

Disco 1

COMUNHÃO (Alice, Sweet, Alice, 1976, 107 min.)
De Alfred Sole. Com Linda Miller, Mildred Clinton, Paula E. Sheppard.
Menina é assassinada brutalmente durante a primeira comunhão na Igreja. As suspeitas recaem sobre sua irmã, com seu comportamento estranho. Com forte comentário social, esse é um dos melhores slashers de todos os tempos.

HORÁRIO DE VISITAS (Visiting Hours, 1982, 105 min.)
De Jean-Claude Lord. Com Michael Ironside, Lee Grant, Linda Purl.
Apresentadora de TV é internada em hospital para se recuperar do ataque de um psicopata. Mas o terror logo se instala no local… Ótimo e injustamente esquecido slasher canadense ambientado dentro de um hospital.

 

Disco 2

O TREM DO TERROR (Terror Train, 1980, 97 min.)
De Roger Spottiswoode. Com Ben Johnson, Jamie Lee Curtis, Hart Bochner.
Os rapazes da Sigma Phi convidam os amigos para a Festa de Ano Novo dentro de um trem, sem saber que, entre eles, se esconde um terrível assassino. Clássico do slasher com a rainha do gênero: Jamie Lee Curtis (“Halloween”).

A INICIAÇÃO (The Initiation, 1984, 97 min.)
De Larry Stewart. Com Vera Miles, Clu Gulager, Daphne Zuniga.
Uma jovem está entrando em uma fraternidade feminina. Sua iniciação será passar uma noite numa escura loja de departamentos. Só que um psicopata tem a mesma ideia… Slasher divertido e bem construído, com várias mortes elaboradas.

 

A Versátil apresenta VAMPIROS NO CINEMA vol. 3, digistack com 2 DVDs que reúne 4 inéditos filmes de vampiro protagonizados por vampiras, todos em versões restauradas, além de uma hora e meia de vídeos extras, incluindo especiais sobre os filmes. Edição Limitada com 4 cards.

 

Disco 1

O VÍCIO (The Addiction, 1995, 82 min.)
De Abel Ferrara. Com Lili Taylor, Christopher Walken, Annabella Sciorra.
Em Nova York, uma estudante de Filosofia se torna vampira após ser mordida, e tenta se adaptar à sua nova existência e à sua insaciável sede de sangue. O polêmico Abel Ferrara (“Vício Frenético”) subverte criativamente o filme de vampiro.

A NOIVA ENSANGUENTADA (La Novia Ensangrentada, 1972, 102 min.)
De Vicente Aranda. Com Simón Andreu, Maribel Martín, Alexandra Bastedo.
A recém-casada Susan é assombrada por visões de Mircalla Karnstein, uma noiva que matou o marido na noite de núpcias. Uma das melhores versões do clássico “Carmilla, a Vampira de Karnstein”, de Joseph Sheridan Le Fanu.

 

Disco 2

AS FILHAS DE DRÁCULA (Vampyres, 1974, 88 min.)
De José Ramón Larraz. Com Marianne Morris, Anulka, Murray Brown.
Um casal de vampiras lésbicas seduz tanto homens como mulheres e os levam para sua casa de campo, para matá-los e beber o seu sangue. Clássico do terror erótico do talentoso diretor espanhol José Ramón Larraz (“Sintomas”).

A MALDIÇÃO DE LEMORA (Lemora: a Child’s Tale of the Supernatural, 1973, 85 min.)
De Richard Blackburn. Com Lesley Taplin, Cheryl Smith, William Whitton.
Ao voltar para sua cidade natal a fim de ver o pai doente, uma menina se vê envolvida por uma teia de vampirismo e feitiçaria. Onírico e macabro, este é um cult do terror independente norte-americano e do gótico sulino.

 

A Versátil apresenta FILME NOIR vol. 12, digistack com 3 DVDs que reúne 6 clássicos do gênero dirigidos por mestres como Robert Siodmak e Joseph Mankiewicz e estrelados por astros como Burt Lancaster, Victor Mature, Richard Widmark, Dick Powell e Sidney Poitier. Quase três horas de extras, incluindo “Encontro em Londres” (Pool of London, 1951), ótimo filme noir britânico que aborda o racismo. Edição Limitada com 6 cards.

 

Disco 1

UMA VIDA MARCADA (Cry of the City, 1948, 95 min.)
De Robert Siodmak. Com Victor Mature, Richard Conte, Fred Clark.
Dois amigos de infância tomam rumos opostos na vida: um se torna policial, o outro bandido. E seus caminhos voltam a se cruzar depois de um assassinato. Excelente filme noir do diretor de “Os Assassinos”.

ESTRANHA FASCINAÇÃO (I Walk Alone, 1948, 97 min.)
De Bryon Haskin. Com Burt Lancaster, Lizabeth Scott, Kirk Douglas.
Após 14 anos, Frankie sai da prisão e vai atrás de seu antigo comparsa, mas descobre que muita coisa mudou no mundo do crime durante a sua ausência. Ótimo filme noir que mostra a evolução do gangsterismo no pós-guerra.

 

Disco 2

O ÓDIO É CEGO (No Way Out, 1950, 106 min.)
De Joseph L. Mankiewicz. Com Sidney Poitier, Richard Widmark, Linda Darnell.
Um médico negro é designado para tratar de dois suspeitos brancos, que são irmãos. Quando um deles morre, as tensões raciais explodem. Indicado ao Oscar de roteiro, esse drama noir marcou a estreia do lendário Sidney Poitier.

OS VALENTÕES (Drive a Crooked Road, 1954, 80 min.)
De Richard Quine. Com Mickey Rooney, Dianne Foster, Kevin McCarthy.
Um mecânico honesto se apaixona pela namorada de um gângster, o que o faz participar de um assalto. Pérola noir admirada por Martin Scorsese que traz uma atuação memorável de Mickey Rooney.

 

Disco 3

GOLPE DO DESTINO (Cry Danger, 1951, 80 min.)
De Robert Parrish. Com Dick Powell, Rhonda Fleming, Richard Erdman.
Após 5 anos preso, Rocky Mulloy tenta libertar o amigo que ainda está preso pelo mesmo crime, descobrindo quem os incriminou. Em sua jornada noite adentro em busca de respostas, encontrará mulheres fatais, traições e reviravoltas.

CONCERTO MACABRO (Hangover Square, 1945, 77 min.)
De John Brahm. Com Laird Cregar, Linda Darnell, George Sanders.
Na Londres vitoriana, a polícia suspeita que um músico, que sofre de períodos de amnésia, pode ser um assassino. Mistura de noir e gótico, esse filme de beleza estranha tem um antológica trilha sonora de Bernard Herrmann.

 

Para sua coleção-Nov/18

19 de novembro de 2018

CHARLIE CHAPLIN – A OBRA COMPLETA

Dentro do mercado brasileiro de home vídeo, nenhuma coleção possui maior destaque do que essa joia da Versátil, que reuniu a obra completa de um dos maiores artistas da história do cinema a um preço acessível.

 

A Versátil apresenta ‘Chaplin – A Obra Completa’, 20 DVDs – mais encarte especial de 16 páginas – que reúne as versões restauradas de todos os filmes do maior gênio da comédia (13 longas-metragens e 65 curtas – quase 50 horas de conteúdo!), além de muitos extras especiais, como documentários em que Bertolucci, Chabrol e outros cineastas renomados falam de Chaplin.

 

Disco 1 – Corridas de Automóveis para Meninos e outros 13 curtas
Disco 2 – Na Farra e outros 12 curtas
Disco 3 – O Casamento de Carlitos e outros 6 curtas
Disco 4 – Campeão de Boxe e outros 6 curtas
Disco 5 – Os Amores de Carmen e outros 6 curtas
Disco 6 – O Vagabundo e outros 6 curtas
Disco 7 – O Imigrante e outros 6 curtas
Disco 8 – Dia de Pagamento e outros 4 curtas
Disco 9 – O Garoto
Disco 10 – Casamento ou Luxo
Disco 11 – Em Busca do Ouro
Disco 12 – O Circo
Disco 13 – Luzes da Cidade
Disco 14 – Tempos Modernos
Disco 15 – O Grande Ditador
Disco 16 – Monsieur Verdoux
Disco 17 – Luzes da Ribalta
Disco 18 – Um Rei em Nova York
Disco 19 – Festival Carlitos
Disco 20 – A Condessa de Hong Kong

 

Distribuição – Versátil

Ano de lançamento – 2013

 

Extras
Cenas cortadas
Trailers
Documentários
Ficha técnica

Fotos

 

 

 

 

 

 

 

 

Versátil – Em breve-Nov/18

3 de novembro de 2018

www.dvdversatil.com.br (Site)

www.versatilhv.com.br (Loja)

A Versátil apresenta SLASHERS vol. 4, digistack com 2 DVDs que reúne 4 clássicos do subgênero mais popular do terror dos anos 80 em inéditas versões restauradas sem cortes e com uma hora de extras, incluindo especiais e entrevistas sobre os filmes. Edição Limitada com 4 cards.

 

Disco 1

COMUNHÃO (Alice, Sweet, Alice, 1976, 107 min.)
De Alfred Sole. Com Linda Miller, Mildred Clinton, Paula E. Sheppard.
Menina é assassinada brutalmente durante a primeira comunhão na Igreja. As suspeitas recaem sobre sua irmã, com seu comportamento estranho. Com forte comentário social, esse é um dos melhores slashers de todos os tempos.

HORÁRIO DE VISITAS (Visiting Hours, 1982, 105 min.)
De Jean-Claude Lord. Com Michael Ironside, Lee Grant, Linda Purl.
Apresentadora de TV é internada em hospital para se recuperar do ataque de um psicopata. Mas o terror logo se instala no local… Ótimo e injustamente esquecido slasher canadense ambientado dentro de um hospital.

 

Disco 2

O TREM DO TERROR (Terror Train, 1980, 97 min.)
De Roger Spottiswoode. Com Ben Johnson, Jamie Lee Curtis, Hart Bochner.
Os rapazes da Sigma Phi convidam os amigos para a Festa de Ano Novo dentro de um trem, sem saber que, entre eles, se esconde um terrível assassino. Clássico do slasher com a rainha do gênero: Jamie Lee Curtis (“Halloween”).

A INICIAÇÃO (The Initiation, 1984, 97 min.)
De Larry Stewart. Com Vera Miles, Clu Gulager, Daphne Zuniga.
Uma jovem está entrando em uma fraternidade feminina. Sua iniciação será passar uma noite numa escura loja de departamentos. Só que um psicopata tem a mesma ideia… Slasher divertido e bem construído, com várias mortes elaboradas.

 

A Versátil apresenta VAMPIROS NO CINEMA vol. 3, digistack com 2 DVDs que reúne 4 inéditos filmes de vampiro protagonizados por vampiras, todos em versões restauradas, além de uma hora e meia de vídeos extras, incluindo especiais sobre os filmes. Edição Limitada com 4 cards.

 

Disco 1

O VÍCIO (The Addiction, 1995, 82 min.)
De Abel Ferrara. Com Lili Taylor, Christopher Walken, Annabella Sciorra.
Em Nova York, uma estudante de Filosofia se torna vampira após ser mordida, e tenta se adaptar à sua nova existência e à sua insaciável sede de sangue. O polêmico Abel Ferrara (“Vício Frenético”) subverte criativamente o filme de vampiro.

A NOIVA ENSANGUENTADA (La Novia Ensangrentada, 1972, 102 min.)
De Vicente Aranda. Com Simón Andreu, Maribel Martín, Alexandra Bastedo.
A recém-casada Susan é assombrada por visões de Mircalla Karnstein, uma noiva que matou o marido na noite de núpcias. Uma das melhores versões do clássico “Carmilla, a Vampira de Karnstein”, de Joseph Sheridan Le Fanu.

 

Disco 2

AS FILHAS DE DRÁCULA (Vampyres, 1974, 88 min.)
De José Ramón Larraz. Com Marianne Morris, Anulka, Murray Brown.
Um casal de vampiras lésbicas seduz tanto homens como mulheres e os levam para sua casa de campo, para matá-los e beber o seu sangue. Clássico do terror erótico do talentoso diretor espanhol José Ramón Larraz (“Sintomas”).

A MALDIÇÃO DE LEMORA (Lemora: a Child’s Tale of the Supernatural, 1973, 85 min.)
De Richard Blackburn. Com Lesley Taplin, Cheryl Smith, William Whitton.
Ao voltar para sua cidade natal a fim de ver o pai doente, uma menina se vê envolvida por uma teia de vampirismo e feitiçaria. Onírico e macabro, este é um cult do terror independente norte-americano e do gótico sulino.

 

A Versátil apresenta FILME NOIR vol. 12, digistack com 3 DVDs que reúne 6 clássicos do gênero dirigidos por mestres como Robert Siodmak e Joseph Mankiewicz e estrelados por astros como Burt Lancaster, Victor Mature, Richard Widmark, Dick Powell e Sidney Poitier. Quase três horas de extras, incluindo “Encontro em Londres” (Pool of London, 1951), ótimo filme noir britânico que aborda o racismo. Edição Limitada com 6 cards.

 

Disco 1

UMA VIDA MARCADA (Cry of the City, 1948, 95 min.)
De Robert Siodmak. Com Victor Mature, Richard Conte, Fred Clark.
Dois amigos de infância tomam rumos opostos na vida: um se torna policial, o outro bandido. E seus caminhos voltam a se cruzar depois de um assassinato. Excelente filme noir do diretor de “Os Assassinos”.

ESTRANHA FASCINAÇÃO (I Walk Alone, 1948, 97 min.)
De Bryon Haskin. Com Burt Lancaster, Lizabeth Scott, Kirk Douglas.
Após 14 anos, Frankie sai da prisão e vai atrás de seu antigo comparsa, mas descobre que muita coisa mudou no mundo do crime durante a sua ausência. Ótimo filme noir que mostra a evolução do gangsterismo no pós-guerra.

 

Disco 2

O ÓDIO É CEGO (No Way Out, 1950, 106 min.)
De Joseph L. Mankiewicz. Com Sidney Poitier, Richard Widmark, Linda Darnell.
Um médico negro é designado para tratar de dois suspeitos brancos, que são irmãos. Quando um deles morre, as tensões raciais explodem. Indicado ao Oscar de roteiro, esse drama noir marcou a estreia do lendário Sidney Poitier.

OS VALENTÕES (Drive a Crooked Road, 1954, 80 min.)
De Richard Quine. Com Mickey Rooney, Dianne Foster, Kevin McCarthy.
Um mecânico honesto se apaixona pela namorada de um gângster, o que o faz participar de um assalto. Pérola noir admirada por Martin Scorsese que traz uma atuação memorável de Mickey Rooney.

 

Disco 3

GOLPE DO DESTINO (Cry Danger, 1951, 80 min.)
De Robert Parrish. Com Dick Powell, Rhonda Fleming, Richard Erdman.
Após 5 anos preso, Rocky Mulloy tenta libertar o amigo que ainda está preso pelo mesmo crime, descobrindo quem os incriminou. Em sua jornada noite adentro em busca de respostas, encontrará mulheres fatais, traições e reviravoltas.

CONCERTO MACABRO (Hangover Square, 1945, 77 min.)
De John Brahm. Com Laird Cregar, Linda Darnell, George Sanders.
Na Londres vitoriana, a polícia suspeita que um músico, que sofre de períodos de amnésia, pode ser um assassino. Mistura de noir e gótico, esse filme de beleza estranha tem um antológica trilha sonora de Bernard Herrmann.

 

Versátil – Lançamentos-Nov/18

3 de novembro de 2018

www.dvdversatil.com.br (Site)

www.versatilhv.com.br (Loja)

A Versátil apresenta CINEMA SAMURAI VOL. 7, digistack com 3 DVDs que reúne 6 inéditos filmes de samurais dirigidos por mestres do gênero, como Kenji Mizoguchi, Kenji Misumi e Sadao Yamanaka, incluindo a clássica trilogia “A Espada Demoníaca”, baseada na famosa série de livros “Daibosatsu Toge”, de Kaizan Nakazato, cuja primeira parte foi adaptada por Kihachi Okamato no magnífico “A Espada da Maldição”.

 

Disco 1

A NOVA SAGA DO CLÃ TAIRA (Shin Heike Monogatari, 1955, 107 min.)
De Kenji Mizoguchi. Com Raizo Ichikawa, Narutoshi Hayashi, Tatsuya Ishiguro.
Japão, final do século XII. No crepúsculo da Era Heian, acompanhamos as tensões provocadas na corte pelo crescente poderio dos samurais. Fascinante jidaigeki do mestre Mizoguchi (“Contos da Lua Vaga”) com belíssimo uso da cor.

TANGE SAZEN E O POTE DE OURO (Tange Sazen yowa: Hyakuman ryo no tsubo, 1935, 91 min.)
De Sadao Yamanaka. Com Denjiro Okochi, Kiyozo, Kunitaro Sawamura.
Tange Sazen, um samurai caolho e de um braço só, envia um pote velho ao irmão, sem saber que este contém um mapa do tesouro. Com humor e humanismo, Yamanaka (“Humanidade e Balões de Papel”) realiza mais um fabuloso filme de samurai.

 

Disco 2

A ESPADA DEMONÍACA: PRIMEIRA ÉPOCA (Daibosatsu Toge, 1960, 106 min.)
De Kenji Misumi. Com Raizo Ichikawa, Kojiro Hongo, Tamao Nakamura.
Durante o fim do xogunato, o psicótico e niilista samurai Tsuke Ryunosuke não hesita em matar quem passa por seu caminho. Mais um ótimo chambara da parceria entre o lendário Kenji Misumi (“Lobo Solitário”) e o astro Raizo Ichikawa (“A Traição”).

A ESPADA DEMONÍACA: SEGUNDA ÉPOCA (Daibosatsu Toge: Ryujin no Maki, 1960, 90 min.)
De Kenji Misumi. Com Raizo Ichikawa, Tamao Nakamura, Kojiro Hongo.
Em meio aos conflitos políticos do Bakumatsu, o cruel Ryunosuke conhece uma mulher que se parece com a esposa que assassinou. Juntos, eles tentarão escapar da vingança do irmão da falecida, que faz parte dos Shinsengumi.

 

Disco 3

A ESPADA DEMONÍACA: TERCEIRA ÉPOCA (Daibosatsu Toge: Kanketsu-hen, 1961, 100 min.)
De Kazuo Mori. Com Raizo Ichikawa, Tamao Nakamura, Katsuhiko Kobayashi.
Perseguido pelo incansável Hyoma, o agora cego Ryunosuke tenta levar uma vida normal, mas sua sede de sangue logo volta. Dirigida pelo especialista Kazuo Mori (“A Vingança de um Samurai”), a conclusão da saga traz um duelo memorável.

CONTO CRUEL DO FIM DO XOGUNATO (Bakumatsu Zankoku Monogatari, 1964, 99 min.)
De Tai Kato. Com Hashizo Okawa, Junko Fuji, Isao Kimura.
No turbulento período do fim do xogunato, um jovem camponês deseja fazer parte dos Shinsengumi, o violento grupo de samurais pró-xogunato. Dirigido pelo visionário Tai Kato (“Sangue de Vingança”), este é um ótimo jidaigeki cruel no estilo de “Harakiri”.

 

A Versátil apresenta EUROCRIME, digistack com 2 DVDs que reúne 4 clássicos do poliziotteschi, os filmes policiais italianos da década de 70 inspirados por “Dirty Harry”, “Operação França” e Bullitt”, dirigidos pelos maiores mestres do gênero: Fernando Di Leo e Umberto Lenzi, além de quase uma hora e meia de extras. Conheça esse gênero cult amado por Quentin Tarantino nessa Edição Limitada com 4 cards.

 

Disco 1

MILÃO CALIBRE 9 (Milano Calibro 9, 1972, 102 min.)
De Fernando Di Leo. Com Gastone Moschin, Barbara Bouchet, Mario Adorf.
Recém-libertado da prisão, Ugo Piazza quer levar uma vida honesta, mas seus ex-comparsas acham que ele escondeu uma fortuna. Obra-prima ultra violenta do poliziotteschi e do grande mestre do gênero, Fernando Di Leo.

O CÍNICO, O INFAME, O VIOLENTO (Il cinico, l’infame, il violento, Itália, 1977, 98 min.)
De Umberto Lenzi. Com Maurizio Merli, John Saxon, Tomas Milian.
Policial entra em guerra contra um sádico bandido e um chefão da máfia, sabotando os negócios da dupla. Com ótimas sequências de ação e muita violência, este poliziottesco traz Maurizio Merli e Tomas Milian, dois grandes astros do gênero.

 

Disco 2

POR ORDEM DA COSA NOSTRA (La Mala Ordina, 1972, 96 min.)
De Fernando Di Leo. Com Mario Adorf, Henry Silva, Woody Strode.
Quando um carregamento de heroína desaparece entre a Itália e Nova York, um cafetão de Milão é acusado do roubo. Dois assassinos profissionais são enviados em seu encalço. Excelente policial no mesmo estilo de “Operação França” e “Bullitt”.

QUASE HUMANO (Milano Odia: la Polizia Non Può Sparare, 1974, 99 min.)
De Umberto Lenzi. Com Tomas Milian, Henry Silva, Laura Belli.
Um criminoso violento sequestra a filha de um milionário, e passa a ser perseguido por um policial determinado a ir além do limite da lei para capturá-lo. Talvez o melhor filme de Lenzi, este é um sangrento e eletrizante poliziottesco.

 

A Versátil apresenta MULHERES NA DIREÇÃO, digistack com 2 DVDs que reúne 4 filmes inéditos dirigidos por mulheres: a belga Agnès Varda, a escocesa Lynne Ramsay, a inglesa Ida Lupino e a norte-americana Donna Deitch, além de quase uma hora de extras, com destaque para “Resposta das mulheres: nosso corpo, nosso sexo” (1975), curta feminista de Varda. Edição Limitada com 4 cards.

 

Disco 1

UMA CANTA, A OUTRA NÃO (L’une chante, l’autre pas, França, 1977, 121 min.)
De Agnès Varda. Com Thérèse Liotard, Valérie Mairesse, Robert Dadiès.
A partir da frase “não se nasce mulher, torna-se mulher”, de Simone de Beauvoir, acompanhamos as vidas cruzadas de duas amigas na França da década de 1970, tendo como pano de fundo a luta do movimento feminista.

LAÇOS DE SANGUE (Hard, Fast and Beautiful, EUA, 1951, 78 min.)
De Ida Lupino. Com Claire Trevor, Sally Forrest, Carleton G. Young.
Quando a jovem Florence Farley demonstra talento para o tênis, sua mãe e um ex-campeão pretendem agenciar sua carreira, a fim de tirarem proveito de seu sucesso. Complexo drama de Lupino sobre a ambição em família.

 

Disco 2

CORAÇÕES DESERTOS (Desert Hearts, EUA, 1985, 92 min.)
De Donna Deitch. Com Helen Shaver, Patricia Charbonneau, Audra Lindley.
Prestes a se divorciar, professora se apaixona por uma moça que trabalha num cassino. Sensível drama romântico lésbico que ganhou o Prêmio Especial do Júri no Festival de Sundance e Melhor Atriz no Festival de Locarno.

O LIXO E O SONHO (Ratcatcher, Escócia, 1999, 93 min.)
De Lynne Ramsay. Com Tommy Flanagan, Mandy Matthews, William Eadie.
Na Glasgow dos anos 70, acompanhamos a vida de um menino pobre, que luta para conciliar seus sonhos com a miserável realidade que o cerca. Pequena obra-prima que marca a estreia da diretora de “Precisamos Falar sobre o Kevin”.

 

Versátil – Em breve-Out/18

2 de outubro de 2018

www.dvdversatil.com.br (Site)

www.versatilhv.com.br (Loja)

 

A Versátil apresenta CINEMA SAMURAI VOL. 7, digistack com 3 DVDs que reúne 6 inéditos filmes de samurais dirigidos por mestres do gênero, como Kenji Mizoguchi, Kenji Misumi e Sadao Yamanaka, incluindo a clássica trilogia “A Espada Demoníaca”, baseada na famosa série de livros “Daibosatsu Toge”, de Kaizan Nakazato, cuja primeira parte foi adaptada por Kihachi Okamato no magnífico “A Espada da Maldição”.

 

Disco 1

A NOVA SAGA DO CLÃ TAIRA (Shin Heike Monogatari, 1955, 107 min.)
De Kenji Mizoguchi. Com Raizo Ichikawa, Narutoshi Hayashi, Tatsuya Ishiguro.
Japão, final do século XII. No crepúsculo da Era Heian, acompanhamos as tensões provocadas na corte pelo crescente poderio dos samurais. Fascinante jidaigeki do mestre Mizoguchi (“Contos da Lua Vaga”) com belíssimo uso da cor.

TANGE SAZEN E O POTE DE OURO (Tange Sazen yowa: Hyakuman ryo no tsubo, 1935, 91 min.)
De Sadao Yamanaka. Com Denjiro Okochi, Kiyozo, Kunitaro Sawamura.
Tange Sazen, um samurai caolho e de um braço só, envia um pote velho ao irmão, sem saber que este contém um mapa do tesouro. Com humor e humanismo, Yamanaka (“Humanidade e Balões de Papel”) realiza mais um fabuloso filme de samurai.

 

Disco 2

A ESPADA DEMONÍACA: PRIMEIRA ÉPOCA (Daibosatsu Toge, 1960, 106 min.)
De Kenji Misumi. Com Raizo Ichikawa, Kojiro Hongo, Tamao Nakamura.
Durante o fim do xogunato, o psicótico e niilista samurai Tsuke Ryunosuke não hesita em matar quem passa por seu caminho. Mais um ótimo chambara da parceria entre o lendário Kenji Misumi (“Lobo Solitário”) e o astro Raizo Ichikawa (“A Traição”).

A ESPADA DEMONÍACA: SEGUNDA ÉPOCA (Daibosatsu Toge: Ryujin no Maki, 1960, 90 min.)
De Kenji Misumi. Com Raizo Ichikawa, Tamao Nakamura, Kojiro Hongo.
Em meio aos conflitos políticos do Bakumatsu, o cruel Ryunosuke conhece uma mulher que se parece com a esposa que assassinou. Juntos, eles tentarão escapar da vingança do irmão da falecida, que faz parte dos Shinsengumi.

 

Disco 3

A ESPADA DEMONÍACA: TERCEIRA ÉPOCA (Daibosatsu Toge: Kanketsu-hen, 1961, 100 min.)
De Kazuo Mori. Com Raizo Ichikawa, Tamao Nakamura, Katsuhiko Kobayashi.
Perseguido pelo incansável Hyoma, o agora cego Ryunosuke tenta levar uma vida normal, mas sua sede de sangue logo volta. Dirigida pelo especialista Kazuo Mori (“A Vingança de um Samurai”), a conclusão da saga traz um duelo memorável.

CONTO CRUEL DO FIM DO XOGUNATO (Bakumatsu Zankoku Monogatari, 1964, 99 min.)
De Tai Kato. Com Hashizo Okawa, Junko Fuji, Isao Kimura.
No turbulento período do fim do xogunato, um jovem camponês deseja fazer parte dos Shinsengumi, o violento grupo de samurais pró-xogunato. Dirigido pelo visionário Tai Kato (“Sangue de Vingança”), este é um ótimo jidaigeki cruel no estilo de “Harakiri”.

 

A Versátil apresenta EUROCRIME, digistack com 2 DVDs que reúne 4 clássicos do poliziotteschi, os filmes policiais italianos da década de 70 inspirados por “Dirty Harry”, “Operação França” e Bullitt”, dirigidos pelos maiores mestres do gênero: Fernando Di Leo e Umberto Lenzi, além de quase uma hora e meia de extras. Conheça esse gênero cult amado por Quentin Tarantino nessa Edição Limitada com 4 cards.

 

Disco 1

MILÃO CALIBRE 9 (Milano Calibro 9, 1972, 102 min.)
De Fernando Di Leo. Com Gastone Moschin, Barbara Bouchet, Mario Adorf.
Recém-libertado da prisão, Ugo Piazza quer levar uma vida honesta, mas seus ex-comparsas acham que ele escondeu uma fortuna. Obra-prima ultra violenta do poliziotteschi e do grande mestre do gênero, Fernando Di Leo.

O CÍNICO, O INFAME, O VIOLENTO (Il cinico, l’infame, il violento, Itália, 1977, 98 min.)
De Umberto Lenzi. Com Maurizio Merli, John Saxon, Tomas Milian.
Policial entra em guerra contra um sádico bandido e um chefão da máfia, sabotando os negócios da dupla. Com ótimas sequências de ação e muita violência, este poliziottesco traz Maurizio Merli e Tomas Milian, dois grandes astros do gênero.

 

Disco 2

POR ORDEM DA COSA NOSTRA (La Mala Ordina, 1972, 96 min.)
De Fernando Di Leo. Com Mario Adorf, Henry Silva, Woody Strode.
Quando um carregamento de heroína desaparece entre a Itália e Nova York, um cafetão de Milão é acusado do roubo. Dois assassinos profissionais são enviados em seu encalço. Excelente policial no mesmo estilo de “Operação França” e “Bullitt”.

QUASE HUMANO (Milano Odia: la Polizia Non Può Sparare, 1974, 99 min.)
De Umberto Lenzi. Com Tomas Milian, Henry Silva, Laura Belli.
Um criminoso violento sequestra a filha de um milionário, e passa a ser perseguido por um policial determinado a ir além do limite da lei para capturá-lo. Talvez o melhor filme de Lenzi, este é um sangrento e eletrizante poliziottesco.

 

A Versátil apresenta MULHERES NA DIREÇÃO, digistack com 2 DVDs que reúne 4 filmes inéditos dirigidos por mulheres: a belga Agnès Varda, a escocesa Lynne Ramsay, a inglesa Ida Lupino e a norte-americana Donna Deitch, além de quase uma hora de extras, com destaque para “Resposta das mulheres: nosso corpo, nosso sexo” (1975), curta feminista de Varda. Edição Limitada com 4 cards.

 

Disco 1

UMA CANTA, A OUTRA NÃO (L’une chante, l’autre pas, França, 1977, 121 min.)
De Agnès Varda. Com Thérèse Liotard, Valérie Mairesse, Robert Dadiès.
A partir da frase “não se nasce mulher, torna-se mulher”, de Simone de Beauvoir, acompanhamos as vidas cruzadas de duas amigas na França da década de 1970, tendo como pano de fundo a luta do movimento feminista.

LAÇOS DE SANGUE (Hard, Fast and Beautiful, EUA, 1951, 78 min.)
De Ida Lupino. Com Claire Trevor, Sally Forrest, Carleton G. Young.
Quando a jovem Florence Farley demonstra talento para o tênis, sua mãe e um ex-campeão pretendem agenciar sua carreira, a fim de tirarem proveito de seu sucesso. Complexo drama de Lupino sobre a ambição em família.

 

Disco 2

CORAÇÕES DESERTOS (Desert Hearts, EUA, 1985, 92 min.)
De Donna Deitch. Com Helen Shaver, Patricia Charbonneau, Audra Lindley.
Prestes a se divorciar, professora se apaixona por uma moça que trabalha num cassino. Sensível drama romântico lésbico que ganhou o Prêmio Especial do Júri no Festival de Sundance e Melhor Atriz no Festival de Locarno.

O LIXO E O SONHO (Ratcatcher, Escócia, 1999, 93 min.)
De Lynne Ramsay. Com Tommy Flanagan, Mandy Matthews, William Eadie.
Na Glasgow dos anos 70, acompanhamos a vida de um menino pobre, que luta para conciliar seus sonhos com a miserável realidade que o cerca. Pequena obra-prima que marca a estreia da diretora de “Precisamos Falar sobre o Kevin”.

 

Versátil – Lançamentos-Out/18

2 de outubro de 2018

www.dvdversatil.com.br (Site)

www.versatilhv.com.br (Loja)

A Versátil apresenta CAÇA ÀS BRUXAS NO CINEMA, digistack com 2 DVDs que reúne 4 clássicos de diversos países sobre a caça às bruxas em inéditas versões restauradas, das torturas da inquisição espanhola ao famoso julgamento de “bruxas” em Salem, passando por brutais perseguições na Inglaterra e na Morávia. Quase uma hora de extras, incluindo um especial sobre o tema. Edição Limitada com 4 cards.

 

Disco 1

AS VIRGENS DE SALEM (Les Sorcières de Salem, França, 1957, 146 min.)
De Raymond Rouleau. Com Simone Signoret, Yves Montand, Jean Debucourt.
Nova Inglaterra, 1692. A histeria toma conta da cidade de Salem quando membros da comunidade são acusados de prática de bruxaria. Com roteiro de Jean-Paul Sartre, essa foi a primeira adaptação da peça “As Bruxas de Salem”, de Arthur Miller.

INQUISIÇÃO (Inquisición, Espanha, 1978, 90 min.)
De Paul Naschy. Com Paul Naschy, Daniela Giordano, Mónica Randall.
Durante a Inquisição na Espanha, um violento inquisidor se apaixona por uma camponesa, sem desconfiar de suas maléficas intenções. Estreia na direção do lendário Jacinto Molina (Paul Naschy), o maior astro do terror espanhol.

 

Disco 2

O CAÇADOR DE BRUXAS (Witchfinder General, Inglaterra, 1968, 87 min.)
De Michael Reeves. Com Vincent Price, Ian Olgivy, Rupert Davies.
Durante a Guerra Civil Inglesa, um jovem soldado tenta pôr fim nas crueldades de Matthew Hopkins, um sádico caçador de bruxas. Vincent Price tem uma das melhores atuações da carreira nesse influente filme de terror.

O MARTELO DAS BRUXAS (Kladivo na Čarodějnice, Rep. Tcheca, 1970, 107 min.)
De Otakar Vávra. Com Vladimir Smeral, Elo Romancik, Josef Kemr.
Baseando-se em registros históricos dos julgamentos de “bruxas” numa cidade tcheca entre 1678 a 1695, Otakar Vávra, um dos expoentes da nouvelle vague tcheca, realizou uma obra alegórica e inesquecível sobre a intolerância religiosa.

 

A Versátil apresenta CLÁSSICOS SCI-FI VOL. 5, digistack com 3 DVDs que reúne 6 filmes de ficção-cientifica, incluindo as inéditas versões restauradas dos excelentes “Alphaville” e “eXistenZ”, dos mestres Jean-Luc Godard e David Cronenberg, além de uma hora e meia hora de extras, com destaque para muitos especiais sobre esses dois cults do cinema. Edição Limitada com 6 cards.

 

Disco 1

ALPHAVILLE (Alphaville, une Étrange Aventure de Lemmy Caution, 1965, 99 min.)
De Jean-Luc Godard. Com Eddie Constantine, Anna Karina, Akim Tamiroff.
O agente Lemmy Caution chega a Alphaville, com a missão de destruir a inteligência artificial que comanda a cidade. Em sua única incursão pela ficção-científica, Godard realiza um fascinante tech noir (filme noir futurista).

WEST WORLD – ONDE NINGUÉM TEM ALMA (Westworld, 1973, 89 min.)
De Michael Crichton. Com Yul Brynner, Richard Benjamin, James Brolin.
Dois amigos vão passar férias num parque temático que recria, com robôs, o Velho Oeste. Tudo vai bem até que uma das máquinas sai do controle… O escritor Michael Crichton (“Jurassic Park”) dirigiu esse clássico que deu origem à série de TV.

 

Disco 2

EXISTENZ (Idem, 1999, 97 min.)
De David Cronenberg. Com Jude Law, Jennifer Jason Leigh, Ian Holm.
Perseguida por fanáticos religiosos, uma designer de games de realidade virtual precisa se refugiar no seu revolucionário jogo eXistenZ. Cronenberg mais uma vez explora magistralmente as fronteiras natural/artificial e humano/mecânico.

É PROIBIDO PROCRIAR (Z.P.G., 1972, 95 min.).
De Michael Campus. Com Oliver Reed, Geraldine Chaplin, Don Gordon.
Num futuro distante, o mundo está superpovoado e poluído. Desesperados, os países proíbem nascimentos por 30 anos. Porém, um casal tem um bebê. Interessante distopia inglesa que antecipa “Fuga no Século 23”.

 

Disco 3

A DECADÊNCIA DE UMA ESPÉCIE (The Handmaid’s Tale, 1990, 109 min.)
De Volker Schlöndorff. Com Natasha Richardson, Faye Dunaway, Aidan Quinn.
A poluição tornou 99% da população da Terra estéril. Uma jovem fértil é forçada a servir sexualmente um comandante, que deseja engravidá-la. Primeira adaptação de “O Conto da Aia” (“The Handmaid’s Tale”), de Margaret Atwood.

O DIABO, A CARNE E O MUNDO (The Devil, the Flesh and the World, 1959, 94 min.)
De Ranald MacDougall. Com Harry Belafonte, Inger Stevens, Mel Ferrer.
Após ficar dias preso numa mina devido a um deslizamento, homem descobre, ao sair, que a humanidade foi dizimada por um holocausto nuclear. Com forte comentário racial, este é um dos primeiros filmes pós-apocalípticos do cinema

 

Versátil – Em breve-Set/18

1 de setembro de 2018

www.dvdversatil.com.br (Site)

www.versatilhv.com.br (Loja)

 

A Versátil apresenta CAÇA ÀS BRUXAS NO CINEMA, digistack com 2 DVDs que reúne 4 clássicos de diversos países sobre a caça às bruxas em inéditas versões restauradas, das torturas da inquisição espanhola ao famoso julgamento de “bruxas” em Salem, passando por brutais perseguições na Inglaterra e na Morávia. Quase uma hora de extras, incluindo um especial sobre o tema. Edição Limitada com 4 cards.

 

Disco 1

AS VIRGENS DE SALEM (Les Sorcières de Salem, França, 1957, 146 min.)
De Raymond Rouleau. Com Simone Signoret, Yves Montand, Jean Debucourt.
Nova Inglaterra, 1692. A histeria toma conta da cidade de Salem quando membros da comunidade são acusados de prática de bruxaria. Com roteiro de Jean-Paul Sartre, essa foi a primeira adaptação da peça “As Bruxas de Salem”, de Arthur Miller.

INQUISIÇÃO (Inquisición, Espanha, 1978, 90 min.)
De Paul Naschy. Com Paul Naschy, Daniela Giordano, Mónica Randall.
Durante a Inquisição na Espanha, um violento inquisidor se apaixona por uma camponesa, sem desconfiar de suas maléficas intenções. Estreia na direção do lendário Jacinto Molina (Paul Naschy), o maior astro do terror espanhol.

 

Disco 2

O CAÇADOR DE BRUXAS (Witchfinder General, Inglaterra, 1968, 87 min.)
De Michael Reeves. Com Vincent Price, Ian Olgivy, Rupert Davies.
Durante a Guerra Civil Inglesa, um jovem soldado tenta pôr fim nas crueldades de Matthew Hopkins, um sádico caçador de bruxas. Vincent Price tem uma das melhores atuações da carreira nesse influente filme de terror.

O MARTELO DAS BRUXAS (Kladivo na Čarodějnice, Rep. Tcheca, 1970, 107 min.)
De Otakar Vávra. Com Vladimir Smeral, Elo Romancik, Josef Kemr.
Baseando-se em registros históricos dos julgamentos de “bruxas” numa cidade tcheca entre 1678 a 1695, Otakar Vávra, um dos expoentes da nouvelle vague tcheca, realizou uma obra alegórica e inesquecível sobre a intolerância religiosa.

 

A Versátil apresenta CLÁSSICOS SCI-FI VOL. 5, digistack com 3 DVDs que reúne 6 filmes de ficção-cientifica, incluindo as inéditas versões restauradas dos excelentes “Alphaville” e “eXistenZ”, dos mestres Jean-Luc Godard e David Cronenberg, além de uma hora e meia hora de extras, com destaque para muitos especiais sobre esses dois cults do cinema. Edição Limitada com 6 cards.

 

Disco 1

ALPHAVILLE (Alphaville, une Étrange Aventure de Lemmy Caution, 1965, 99 min.)
De Jean-Luc Godard. Com Eddie Constantine, Anna Karina, Akim Tamiroff.
O agente Lemmy Caution chega a Alphaville, com a missão de destruir a inteligência artificial que comanda a cidade. Em sua única incursão pela ficção-científica, Godard realiza um fascinante tech noir (filme noir futurista).

WEST WORLD – ONDE NINGUÉM TEM ALMA (Westworld, 1973, 89 min.)
De Michael Crichton. Com Yul Brynner, Richard Benjamin, James Brolin.
Dois amigos vão passar férias num parque temático que recria, com robôs, o Velho Oeste. Tudo vai bem até que uma das máquinas sai do controle… O escritor Michael Crichton (“Jurassic Park”) dirigiu esse clássico que deu origem à série de TV.

 

Disco 2

EXISTENZ (Idem, 1999, 97 min.)
De David Cronenberg. Com Jude Law, Jennifer Jason Leigh, Ian Holm.
Perseguida por fanáticos religiosos, uma designer de games de realidade virtual precisa se refugiar no seu revolucionário jogo eXistenZ. Cronenberg mais uma vez explora magistralmente as fronteiras natural/artificial e humano/mecânico.

É PROIBIDO PROCRIAR (Z.P.G., 1972, 95 min.).
De Michael Campus. Com Oliver Reed, Geraldine Chaplin, Don Gordon.
Num futuro distante, o mundo está superpovoado e poluído. Desesperados, os países proíbem nascimentos por 30 anos. Porém, um casal tem um bebê. Interessante distopia inglesa que antecipa “Fuga no Século 23”.

 

Disco 3

A DECADÊNCIA DE UMA ESPÉCIE (The Handmaid’s Tale, 1990, 109 min.)
De Volker Schlöndorff. Com Natasha Richardson, Faye Dunaway, Aidan Quinn.
A poluição tornou 99% da população da Terra estéril. Uma jovem fértil é forçada a servir sexualmente um comandante, que deseja engravidá-la. Primeira adaptação de “O Conto da Aia” (“The Handmaid’s Tale”), de Margaret Atwood.

O DIABO, A CARNE E O MUNDO (The Devil, the Flesh and the World, 1959, 94 min.)
De Ranald MacDougall. Com Harry Belafonte, Inger Stevens, Mel Ferrer.
Após ficar dias preso numa mina devido a um deslizamento, homem descobre, ao sair, que a humanidade foi dizimada por um holocausto nuclear. Com forte comentário racial, este é um dos primeiros filmes pós-apocalípticos do cinema

 

Versátil – Lançamentos-Set/18

1 de setembro de 2018

www.dvdversatil.com.br (Site)

www.versatilhv.com.br (Loja)

A Versátil apresenta “Slashers vol. 3”, digistack com 2 DVDs que reúne 4 clássicos do subgênero mais popular do terror dos anos 80 em inéditas versões restauradas sem cortes e com duas horas de extras, incluindo especiais e entrevistas sobre os filmes. Edição Limitada com 4 cards.

 

Disco 1

NOITE DO TERROR (Black Christmas, 1974, 98 min.)
De Bob Clark. Com Olivia Hussey, Keir Dullea, Margot Kidder, John Saxon.
Durante o feriado de Natal, estudantes de uma fraternidade feminina são caçadas por um psicopata. Dirigido pelo talentoso Bob Clark (“Sonho de Morte”), este excelente cult-movie canadense é considerado um dos primeiros slashers do cinema.

NATAL SANGRENTO (Silent Night, Deadly Night, 1984, 82 min.).
De Charles E. Sellier Jr.. Com Lilyan Chauvin, Gilmer McCormick, Toni Nero.
Após testemunhar o assassinato dos pais no Natal, adolescente fica traumatizado e ainda sofre abusos no orfanato. Quando adulto, ele se torna um Papai Noel assassino no Natal. Um dos mais infames e polêmicos slashers dos anos 80.

 

Disco 2

O TERROR DA SERRA ELÉTRICA (Pieces/Mil Gritos Tiene la Noche, 1982, 87 min.)
De Juan Piquer Simón. Com Christopher George, Lynda Day George, Frank Braña.
Num campus, estudantes estão sendo desmembradas por um misterioso assassino, que tenta montar um quebra-cabeça humano feito de partes de corpos. Clássico exploitation que mistura slasher e giallo com doses cavalares de sangue.

VIOLÊNCIA E TERROR (Intruder, 1989, 88 min.)
De Scott Spiegel. Com Elizabeth Cox, Renée Estevez, Dan Hicks.
Dentro de um supermercado, os funcionários do turno da noite são perseguidos e mortos por um misterioso maníaco. Ótimo slasher dos criadores de “Evil Dead” e com a participação de Sam Raimi e Bruce Campbell no elenco.

 

A Versátil apresenta GIALLO VOL. 6, digistack com 2 DVDs que reúne 4 clássicos inéditos do suspense sangrento italiano dirigidos por especialistas no gênero, como Sergio Martino (“Todas as Cores da Escuridão”) e Duccio Tessari (“Uma Borboleta com as Asas Ensanguentadas”), além de uma hora e meia de extras. Edição Limitada com 4 cards.

 

Disco 1

A CAUDA DO ESCORPIÃO (La Coda dello Scorpione, 1971, 95 min.)
De Sergio Martino. Com George Hilton, Anita Strindberg, Alberto de Mendoza.
Após a misteriosa morte de um milionário, tem início uma série de sangrentos assassinatos que despertam a atenção da polícia. Giallo clássico do mestre Sergio Martino com o astro George Hilton e trilha antológica de Bruno Nicolai.

A MULHER DO LAGO (La Donna del Lago, Itália, 1965, 95 min.)
De Luigi Bazzoni. Com Peter Baldwin, Valentina Cortese, Virna Lisi.
Homem chega a uma pequena cidade do interior da Itália em busca de uma mulher que aparentemente se suicidou. Protogiallo de fascinante atmosfera, esta pequena obra-prima é um marco na evolução do gênero em meados dos anos 60.

 

Disco 2

A MORTE CAMINHA À MEIA-NOITE (La Morte Accarezza a Mezzanotte, 1974, 102 min.)
De Luciano Ercoli. Com Nieves Navarro, Simón Andreu, Pietro Martellanza.
Modelo toma uma droga experimental e, em seus delírios, acaba testemunhando um assassinato. Seu pesadelo aumenta quando começa a ser perseguida pela assassino. Excelente giallo com uma inesquecível protagonista feminina.

OS ASSASSINOS SÓ MATAM AOS SÁBADOS (La Morte Risale a Ieri Sera, 1974, 97 min.)
De Duccio Tessari. Com Frank Wolff, Raf Vallone, Gabriele Tinti.
Um inspetor de polícia investiga a morte de uma moça de 25 anos com problemas mentais, filha de um viúvo solitário que deseja vingança. Brilhante mistura de giallo e poliziottesco com forte comentário social.

 

A Versátil apresenta OBRAS-PRIMAS DO TERROR VOL. 9, digistack com 3 DVDs que reúne seis clássicos do cinema de horror europeu, incluindo as inéditas versões recentemente restauradas das obras-primas “As Diabólicas” e “Os Olhos Sem Rosto”, além de filmes raros de três lendas do exploitation: Jesús Franco, Joe D’Amato e Paul Naschy e mais de duas horas de vídeos extras. Edição Limitada com 6 cards.

 

Disco 1

AS DIABÓLICAS (Les Diaboliques, França, 1955, 116 min.)
De Henri Georges-Clouzot. Com Simone Signoret, Véra Clouzot, Paul Meurisse.
A esposa e a amante de um diretor de escola violento decidem matá-lo, mas algo dá errado. Ao lado de “Psicose”, esta obra-prima do mestre Henri Georges-Clouzot (“O Salário do Medo”) se tornou um dos filmes mais influentes do cinema de horror.

OS OLHOS SEM ROSTO (Les Yeux Sans Visage, França, 1960, 90 min.)
De Georges Franju. Com Pierre Brasseur, Alida Valli, Juliette Mayniel.
Um cirurgião que causou um acidente que deixou a filha desfigurada sequestra moças para conseguir um novo rosto para ela. Um dos maiores filmes de terror de todos os tempos que serviu de inspiração para “A Pele que Habito”, de Almodóvar.

 

Disco 2

O DIABÓLICO DR Z (Le Diabolique Docteur Z, França, 1967, 87 min.)
De Jesús Franco. Com Estella Blain, Mabel Karr, Howard Vernon.
Uma jovem mulher decide se vingar das pessoas responsáveis pela morte do seu pai, um famoso e macabro cientista. Uma das primeiras obras do visionário Jess Franco (“O Terrível Dr. Orloff”), esta é uma delirante mistura de terror e sci-fi.

A MÃO DO DIABO (La Main du Diable, França, 1943, 81 min.)
De Maurice Tourneur. Com Pierre Fresnay, Josseline Gaël, Noël Roquevert.
Um homem compra por um tostão uma mão esquerda cortada que serve como talismã que lhe dá amor, sucesso e riqueza. Mas nada é de graça quando vem do Diabo… Clássico do terror francês dirigido pelo pai de Jacques Tourneur.

 

Disco 3

A MORTE SORRIU PARA O ASSASSINO (La Morte ha Sorriso all’Assassino, Itália, 1973, 88 min.)
De Joe D’Amato (Aristide Massaccesi). Com Klaus Kinski, Ewa Aulin.
Um homem descobre um antigo encantamento inca para ressuscitar os mortos e o usa para trazer sua irmã de volta à vida. Poético terror gótico com pitadas de giallo do mestre do exploitation Joe D’Amato (“Buio Omega”).

O ANDARILHO (El Caminante, Espanha, 1979, 93 min.)
De Paul Naschy. Com Paul Naschy, Sara Lezana, David Rocha.
Seguindo os passos de Cristo, o Diabo decide se tornar humano para perambular pela Terra, vivendo uma série de desventuras. Terror com muito humor negro dirigido por Jacinto Molina (Paul Naschy), o maior astro do terror espanhol.